STF surpreende categoria ao pautar repentinamente processo dos quintos

Publicado em 18/10/2017

Sinjufego acompanhará sessão de julgamento

Causando surpresa à categoria, ontem à noite (17/10) a ministra do Supremo Cármen Lúcia incluiu na pauta da sessão de hoje, 18/10, às 13h, o julgamento dos embargos de declaração no processo dos quintos já incorporados. Tratou-se de mais uma articulação do ministro relator Gilmar Mendes para tentar retirar direito adquirido dos servidores. Lamenta-se o jogo rasteiro do STF que golpeia o servidor público com essa inclusão repentina com o claro objetivo de não dar chance de mobilização.

Em 11/10/2017 a presidente do STF exclui da pauta daquele dia o julgamento dos quintos, e conforme informações do gabinete da ministra não haveria previsão de data para incluir novamente o processo com apreciação dos embargos opostos, acrescentando que não existiria a possibilidade de inclusão "surpresa" do processo em mesa pelo relator quando não incluso nas chamadas "pautas listas". 

Diante da urgência e da extrema gravidade do caso, o Sinjufego estará presente na sessão plenária de hoje do Supremo, juntando-se a outras entidades na pressão pela manutenção do direito à incorporação das parcelas dos quintos. Além do presidente do sindicato de Goiás, Leopoldo Lima, dos diretores Maércio Peixoto e Ádina Corsi, estará também acompanhando o julgamento a Assessoria Jurídica do Sinjufego, Cassel Ruzzarin Santos Rodrigues.

---

Da redação do Sinjufego